sexta-feira, 7 de maio de 2021

Fungos em Marte - Possível descoberta de vida no planeta vermelho!

De acordo com um novo artigo publicado na revista científica Advances in Microbiology, outros robôs que não a Perseverance, podem ter encontrado sinais de vida relativamente avançada — na forma de “espécimes marcianos semelhantes a fungos”. Existem centenas de evidências fotográficas para tal.

A equipe — que inclui pesquisadores do Centro Harvard-Smithsonian de Astrofísica e da Universidade George Mason — acredita ter encontrado evidências fotográficas de uma variedade de organismos semelhantes a fungos, bolotas-da-terra, um fungo redondo com aparência de nuvem encontrado facilmente aqui na Terra, no Planeta Vermelho.

Imagens tiradas pelos rovers Opportunity and Curiosity da NASA, bem como a câmera HiRISE de alta resolução da agência incluída ao Mars Reconnaissance Orbiter são a evidência para tal alegação.

Segundo o artigo, os fungos prosperam em ambientes de radiação intensa. Ainda, fotos sequenciais documentam que espécimes marcianos semelhantes a fungos emergem do solo e aumentam de tamanho, incluindo aqueles que se assemelham a bolotas-da-terra. Após a obliteração de espécimes esféricos pelas rodas de rover, novas esferas – algumas com talos – apareceram no topo das cristas das trilhas antigas. Espécimes semelhantes a fungos negros também apareceram no topo dos rovers. 

Foram examinadas também fotos tiradas pelo HiRISE da NASA, e encontrou evidências de espécimes amorfos dentro de uma fenda que mudaram de forma e localização e depois desapareceram, segundo o artigo. 

Já sabemos que diversos organismos podem sobreviver em ambientes hostis aqui na Terra, com baixa oxigenação, altas temperaturas e radiação. Ambientes semelhantes aos que temos em Marte. Fala-se em possível semeação destes organismo pela Terra em Marte e vice-versa, em eventos como colisão de meteoritos aqui e por lá. 

Teoria de fungos em Marte vem de estudo que usa metodologia imprecisa e não confiável!

Entretanto, os pesquisadores apontando que as semelhanças na morfologia não são a prova de vida, e que não podemos descartar completamente minerais, clima e forças geológicas desconhecidas que seriam únicas em Marte e desconhecidas e estranhas à Terra. 

Segundo o astrobiólogo Brendan Burns: "Todas as evidências disponíveis sugerem que a superfície de Marte não é hospitaleira para a vida."

Teorias científicas como "cogumelos em Marte" podem prejudicar organizações como a Nasa, que se dedicam diariamente para encontrar sinais legítimos de vida no planeta vermelho.


Nenhum comentário:

Postar um comentário